Textos, Tropeços e Pensamentos Quixotescos...

Jornalista. Cinéfila. Neurótica praticante. Aquela que sempre anda com um livro embaixo do braço. Aquela que adora compartilhar bobagens. Uma Dom Quixote fêmea, a combater moinhos de vento...
"Dize o que quiseres, conquanto que suas palavras não visem me atemorizar; assuma o seu medo, se o tiveres, que eu procederei como quem não tem, se for o caso."
(Dom Quixote de La Mancha)

3.4.06

Crise


Instaurou-se um período de crise: ideológica, emocional, criativa, financeira, profissional. Mil crises em uma. Pane Total. O mundo está depressivo e as pessoas carentes de compreensão. Morreram os valores, as crenças, as necessidades coletivas. Morreu o romance, a ternura, a novidade, o respeito, a quimera, as palavras doces. E não há nada que rapidamente possa mudar tudo isso. O fato é que Deus nos deu asas, mas não nos ensinou a voar. Por isso queremos sempre mais da vida e das pessoas. Vez ou outra deparo-me com um questionamento no qual muitos de vocês já devem ter se deparado: “Ser um inteligente insatisfeito ou um ignorante feliz?” Enfim, quase sempre nos tornamos aquilo que juramos nunca ser. De repente a concha se fecha e ficamos lá, acomodados, acovardados, esperando que algo inesperadamente caia do céu. Uns querem coisas, outros querem conhecimento. E nesse emaranhado de desejos e planos irrealizáveis vivemos para o amanhã, nunca contentes com o que temos hoje. Passamos a vida inteira em meio ao dilema de lutar ou ceder.
O que tenho é um punhado de idéias, sonhos que não acabam e um mundo que não entendo e que não me entende. Não sei se finco os pés no chão ou se permito que eles se desprendam. E o pessimismo é fruto dessa indecisão. Enfim, uma injeção de esperança eloqüente cairia muito bem, mas por enquanto me perco nas metáforas.

1 Comments:

Anonymous adri said...

O que tenho é um punhado de idéias, sonhos que não acabam e um mundo que não entendo e que não me entende. --- Oh soooo true!! ;) Bjsssss

2:24 PM  

Postar um comentário

<< Home