Textos, Tropeços e Pensamentos Quixotescos...

Jornalista. Cinéfila. Neurótica praticante. Aquela que sempre anda com um livro embaixo do braço. Aquela que adora compartilhar bobagens. Uma Dom Quixote fêmea, a combater moinhos de vento...
"Dize o que quiseres, conquanto que suas palavras não visem me atemorizar; assuma o seu medo, se o tiveres, que eu procederei como quem não tem, se for o caso."
(Dom Quixote de La Mancha)

23.5.06

Diálogo sobre TPM 2


Marido: Oi amor, tudo bem?
Mulher: Tudo.
Marido: O que você faz em casa tão cedo?
Mulher: Estou lendo um livro, não está vendo?
Marido: Ah sim...desculpe. Que livro é esse?
Mulher: Um livro qualquer Antonio Augusto. Que pergunta!
Marido: Aconteceu alguma coisa?
Mulher: Não, estou puta da vida mesmo.
Marido: Entendi, TPM . Ligou para o doutor Mario?
Mulher: Doutor Mario o cacete. O que é isso aqui?
Marido: É um cartão.
Mulher: Isso eu sei, “Dra. Rita de Cássia Azevedo – Terapeuta Holística”
Marido: Pois é, é um cartão do consultório da Rita. Lembra da Rita?
Mulher: Claro que lembro da Rita. Como poderia me esquecer dessa infeliz? E o que o cartão de uma ex namorada estava fazendo no bolso da sua calça?
Marido: Não me diga que você está com ciúmes.
Mulher: É claro que eu estou com ciúmes. O que o cartão dessa mulher fazia no seu bolso afinal?
Marido: Eu e o Nogueira fomos almoçar ontem naquele restaurante vegetariano perto do escritório...
Mulher: Sei.
Marido: ...Daí para minha surpresa lá estava a Rita, almoçando com uma amiga. Ela inclusive mandou um abraço pra você.
Mulher: Abraço uma ova! Desde quando essa mulher me manda abraço? Ela sempre me odiou.
Marido: Que bobagem, ela nunca te odiou, só não entendeu por um tempo o fato de eu ter preferido ficar com você. Mas mudou muito, está mais calma, mais ponderada, virou naturalista, meio bicho grilo...
Mulher: Do que eu te livrei hein Antonio Augusto? Imagine você todo mauricinho casado com uma bicho grilo.
Marido: Precisa ver como ela está radiante, até mais bonita.
Mulher: Claro, deve estar mesmo... você é míope.
Marido: Não se preocupe, desconfio que ela esteja namorando.
Mulher: Ah é? E quem é o corajoso?
Marido: Corajoso não, corajosa...
Mulher: Co..Como?
Marido: É, acho que a moça que estava com ela é a nova namorada. Ela não me disse nada, mas mencionou algo do tipo “moramos juntas e acabamos de adotar uma cachorrinha”. Você sabe como são essas coisas né? Estavam abraçadas e tal.
Mulher: Nossa, quem diria hein...
Marido: Pois é.
Mulher: Mas você é fofoqueiro hein? Puts grila.
Marido: Eu? Fofoqueiro?
Mulher: Pior que mulher.
Marido: Bom, posso tomar meu banho? Está mais tranqüila agora?
Mulher: Claro que não, você sabe muito bem que vocês homens adoram um fetiche.
Marido: Ana, do que você está falando?
Mulher: É isso mesmo que você ouviu. Quem me garante que essa duas aí...
Marido: Querida, você está completamente maluca. Vou interná-la. E quer saber? Só peguei esse cartão por sua causa.
Mulher: O que?
Marido: É isso mesmo, ela me falou sobre o trabalho que vem desenvolvendo e achei interessante você ir até seu consultório.
Mulher: Você não fez isso...
Marido: Por que? Algum problema?
Mulher: Antonio Augusto...você...não fez isso...
Marido: Claro que fiz, olha como você está desequilibrada, além do mais é melhor procurar um profissional de confiança.
Mulher: Desequilibrada?
Marido: Se você preferir uso um termo mais ameno: desequilíbrio hormonal.
Mulher: Filho da p...
Marido: O telefone...está tocando...
Mulher: Dane-se o telefone!
Marido: Ana, se for jogar alguma coisa prefira algo barato, como esse quadro que você ganhou da sua prima. Esse vaso é caríssimo e foi mamãe quem nos deu.
Mulher: Desgraçado!
Marido: Pode ser o doutor Mario, melhor atender...
Mulher: Você me paga Antonio Augusto!
Marido: Alô? Oi, tudo bem? Está sim, mas não sei se...Ah, ok, mas é melhor ir com calma, só um minuto...
Mulher: Quem é? Não vou falar com ninguém...Quero te matar primeiro.
Marido: Querida...
Mulher: Não fala comigo!
Marido: Meu bem...
Mulher: O que é?
Marido: O telefone...
Mulher: Eu sei. Desembucha!
Marido: Bom...é..a Rita.

8 Comments:

Anonymous Adri said...

Huahauhauhau, mto boa! :D :D

4:00 AM  
Anonymous Paula said...

Oi Luuu, ficou muito bom esse textoo!!
Voce devia escrever com mais frequencia, são oteeemos.
Se cuida e saudade
bjao Paulete

5:34 AM  
Anonymous Anônimo said...

Obrigada girls, não achei tão bom assim, mas até que dá pra dar umas risadas...hehehe

8:00 AM  
Anonymous Luciana said...

Obrigada girls, não achei tão bom assim, mas até que dá pra dar umas risadas...hehehe

8:00 AM  
Anonymous Marina Sanches said...

Bem legal este texto, amei!!!

Você têm dom pra comédia!!

Continue assim pois você vai longe...


Beijos

2:12 PM  
Anonymous Vivi said...

Ameiiiiiiiiiiiiiiiii o texto, lu! Bom, como todos são muito bons. Mas esse até me identifiquei, hahaha.

bjos

5:16 AM  
Anonymous Paulete said...

Luuuuuuuuuuuu, eu amo seus textinhus poxa!!! voce podia escrever mais não e atualizar isso unf!!!
bjux

12:12 PM  
Anonymous Marina Sanches said...

Vamos atualizar este blog Dona Luciana?

Adoro seus textos então atualiza logo vai!

6:04 PM  

Postar um comentário

<< Home